Watch videos with subtitles in your language, upload your videos, create your own subtitles! Click here to learn more on "how to Dotsub"

PowerofMoney_DG_8-26-15

0 (0 Likes / 0 Dislikes)
Olá a todos! De onde vocês vieram? É engraçado. Eu pensei há dois atrás eu acordei pela manhã, eu vi isso no meu calendário e eu falei: Por que estou dando essa aula? Ninguém virá para aula. São duas semana antes de Rosh Hashaná. Todo mundo está esgotado de estudar. Estamos jogando tanto conteúdo para todo mundo. e sabe, sim é sobre dinheiro e parece um tópico sexy mas mesmo assim é sobre caridade, é sobre como você ganha é sobre todas essas regras. Sim, tem outros conceitos também. Mas não é algo que as pessoas correm atrás como uma aula de relacionamento com o Michael Moskowitz xxx para o cérebro. Literalmente pensei que fosse ter uma lista de 20 pessoas, 30 pessoas Estou animado. Eu pude ver que tanta gente veio. Quantos de vocês estão no primeiro ano de estudo de Kabbalah? Levante a mão. Certo. Para me preparar para essa aula. Essa é uma das aulas mais difíceis para eu ensinar porque tem tantas regras, tantos conceitos Sempre tenho esse medo de compartilhar algo que está errado ou que é um erro. Tem tantas maneiras que se aplica. Por exemplo, provavelmente só hoje eu bloqueei várias horas para reler anotações reler diferentes regras sobre o aspecto espiritual do dinheiro. E quase toda regra que eu li vem com essa ressalva que diz "algumas opiniões são essas, algumas opiniões são essas". significando que quando os sábios se reuniam cada um deles dava uma opinião diferente sobre como deve ser feito. Como o nosso relacionamento com dinheiro deve ser. Isto envolve o modo como gastamos dinheiro, o modo como ganhamos dinheiro e o modo como damos dinheiro. E o modo como disperdiçamos dinheiro. Também há outra categoria da qual eu vou falar a respeito. E os sábios revelam tantos segredos sobre todos esses diferentes conceitos e muitas vezes os sábios discordam mas a idéia dessa divergência não é que uma pessoa está certa e a outra errada. Se fala que essa é a palavra do Criador significando que ambos estão corretos e depende de quem estamos falando. E o que eu realmente gostaria de falar antes de começar essa aula não tem certo ou errado, não tem o jeito que você deveria fazer e não tem o jeito que você não deveria fazer. Parte do que eu gostaria de fazer hoje é compartilhar o máximo de informação possível e então você precisa receber esta informação e ver o que é certo para a sua vida espiritual. Faz sentido? Porque você precisar ver como isso se encaixa para você. Essas regras se aplicam de maneira diferente para aqueles de vocês que tem recursos acima dos gastos. Essas regras se aplicam de maneira diferente se você vive com dinheiro contado. Essas regras se aplicam de maneira diferente se você tem dívidas ou se você não tem dívidas. Essas regras se aplicam de maneira diferente se você tem crianças para alimentar ou você é solteiro. As regras estão em toda parte. A regra geral é como isso vai ajudá-lo a ficar mais perto da Luz do Criador. Você tem que ser honesto com você no final da aula e dizer: O que a Luz está tentando me dizer? E eu estou escutando? Essa é a idéia. O que eu vou cobrir nessa aula durante os primeiros 20 minutos é o cenário completo sobre a consciência sobre dinheiro. Eu vou prepará-los para um entendimento profundo sobre ser caridoso. Por exemplo, as pessoas acham que ser caridoso é dar dinheiro. Eu falei com alguém recentemente e perguntei qual a sua filosofia sobre ser caridoso. E ele falou quando eu tenho vontade de dar, eu dou. Confie em mim, eu dou bastante. Mais do que os 10%. Mas o que é incrível que os sábios falam que a pessoa que tem disciplina, estrutura e forma para suas doações revela mais luz que a pessoa que dá baseado em sentimentos, emoções ou tragédia mesmo que ele dê o dobro. Isso não é interessante? O fato de que cada um de nós com sorte no final de hoje terá sua própria disciplina e forma de dar. E a Torah compartilha essa disciplina na forma do que é chamado Maaser. Que basicamente vem da palavra Eser que significa 10. Um décimo. A idéia de que o Criador dá a cada ser humano uma certa quantidade de energia na forma de dinheiro e sempre dá um décimo a mais do que eles precisam, este é o conceito para ser capaz de fazer o que se chama Mitzvah de compartilhar. Porque algo acontece quando você compartilha. Toda vez que você compartilha da maneira certa e com a consciência certa, você diminui o poder do seu Satan. Por exemplo, a pessoa que dá regularmente tem uma atitute diferente e consciência da vida do que a pessoa que não dá um por longo período de tempo e então tem que dar. Isto não é verdade? Não é verdade que quando você se acostuma com um estilo de vida de compartilhar saindo da zona de conforto. Vamos dizer uma estilo de vida de ir a ginástica. Um estilo de vida de exercitar-se. Uma vez que você tem um estilo de vida de ir a ginástica mesmo que três ou quatro vezes por semana, se torna parte de você se torna sua essência. Isso é verdade ou não? Mas vamos dizer que você não foi a ginástica por seis semanas a primeira vez que você tem que ir a ginástica, é como o inferno. É doloroso. Então isso nos diz algo. Que o ato de dar, o Criador nos dá sempre o suficiente não somente para nós mesmos porque Ele sabe que o universo é estruturado para que você possa receber algo para que você possa dar para treinar sua consciência corporal para ser um doador. Porque essa é a meta final - ser como o Criador O Criador sempre nos dará mais em todas as áreas da nossa vida. Não somente com dinheiro. Com tempo, com energia, com talento porque nós devemos sempre condicionarnos a dar e nós não podemos ter a desculpa de não termos Criador sempre dará o suficiente para sermos capazes de dar. Isso faz sentido? Da mesma forma, você nunca passará por um teste na vida que você não poderá vencer. Essa é a regra. Você nunca passará por um desafio que não tenha uma solução que o Criador tenha criado para você. Você não passará por um desafio que necessariamente eu tenha que passar E eu não passarei por um desafio que você tenha que passar Nós sempre passaremos por um desafio que a solução exista. Porque algumas vezes alguns de nós passam por coisas nós vemos "como isso vai funcionar?" Impossível! Não existe tal coisa. Da mesma forma, o Criador deu para cada um certo estilo de vida para ser capaz de participar do ato de ser um doador. Com tempo, dinheiro e energia. Eu vou construir essa estrutura kabalística em volta disso. Eu tenho uma pergunta para vocês. Vamos voltar a Kabbalah 1. Vocês já notaram que quando vocês estão chateados. Vocês estão chateados sobre uma mensagem que receberam. Nós aprendemos que se você restringir com a consciência correta e com alegria. Eventualmente, você recebe uma natureza diferente. Quando você vai para cama. Quando você está pronto para tomar uma decisão eu vou pensar sobre o assunto, vou fazer restrição Você acorda na manhã seguinte, você se sente diferente. Você tem um desejo maior de compartilhar. Você tem um desejo maior de ser compassivo. Você vê com mais clareza. Isso não verdade? Sim ou não? Isso é restrição. E se eu me sentir pior nas próximas horas significa que eu não fiz restrição. Mas a pergunta é: "O que está acontecendo?" Ninguém nunca faz esta pergunta. Todos concordamos que quando fazemos restrição nos sentimos melhores em algumas horas. Mas o que está realmente acontecendo com a alma quando eu desapego. Quando você desapega, o que está acontecendo com você é que de repente você recebe esse poder adicional Você tem mais idéias, idéias claras, você tem visão de longo prazo Por que quando estamos com raiva não vemos nada? Literalmente não vemos nada. Nós não encontramos soluções, estamos bloqueados. Mas quando estou fazendo restrição de repente idéias melhores, soluções que eu nunca havia pensado As vezes o problema se resolve sozinho. De onde vem isso? .Você está abrindo o recipiente. O que isso significa? De onde? A Luz está vindo? A verdade é que a Luz não está vindo. Nós falamos "faça isso e a Luz virá". Isso é o que precisamos aprender no início. Agora precisamos aprender o que está acontecendo com o nosso recipiente quando fazemos restrição. Você está pronto? Eu tentarei fazer isso no menor tempo possível. Essa é uma aula de 17 horas. Tem algo que se chama 4 fases. Quantas fases? 4. Aula de 17 horas ... mas as 4 fases funcionam da seguinte forma. Primeira fase é. Há 4 fases em como o nosso recipiente é construído A primeira fase é - você acabou de receber algo. Por exemplo, você vem a uma palestra de Kabbalah porque um amigo diz que você precisa vir. Você vem a palestra. Você não sabe o que é. Você não sabe o que esperar. Você tem opiniões. Você não tem esse imenso desejo de estar em uma aula de Kabbalah. Você vem e ouve uma palestra. Isso se chama a primeira fase de receber. Você recebeu. Você anseiou por receber? Está animado em receber? Não. É como ir em um encontro às cegas. Alguém diz tem um cara maneiro para te apresentar. Eu ainda não tive boas experiências com encontro às cegas mas eu vou. Você vai. Daí você vê quem é. Inacreditável. Ele não está nem vestindo uma camisa. Ele vem em a cavalo para o restaurante sem camisa e parece normal. E de repente você está passando por um processo. Primeiro, você não tinha um grande desejo de ir ao encontro. Quando o desejo foi desenvolvido? Esta primeira fase é o recebimento passivo. O que é interessante é que a segunda fase depois de você receber algo. Você vem a uma aula ... Uau! Aula maravilhosa! Uua! Encontro maravilhoso! Um desejo de compartilhar é despertado quando você prova algo que é bom. Isso se chama a segunda fase. A segunda fase se chama Binah. Binah é em resumo o desejo de compartilhar. Porque quando você ama aquele encontro, ama aquela aula você quer ser parte dele. Você agora quer algo. Você agora quer contribuir. Você quer vir mais. Você foi ativado. Antes você foi arrastado. Agora: "Eu quero. Eu quero fazer algo. Eu quero compartilhar. Eu quero compartilhar energia. Sabe aquele encontro que você não está gostando? E você não quer compartilhar. Você está esperando para que ele acabe. E você se recusa a compartilhar. Você se recusar a começar uma conversa. Você se recusa a se engajar. Assim que você sabe que não vai passar pelas 4 fases do recipiente. Você está preso na primeira fase. Você fala "Eu quero compartilhar". Não vou passar pela terceira e quarta fases. Não é parte dessa aula. Binah é o desejo de compartilhar. É isso que queremos que você entenda. Malchut é um conceito fascinante. Malchut. Nós entendemos Malchut como sendo o que? Todo mundo aprendeu algo. Alguns estão aqui há 20 anos, outros há alguns meses. Qual uma explicação sobre o que é Malchut? Mundo físico. Realidade do 1%. O recipiente. Aonde o Satan, o Oponente está. Certo? Malchut é essencialmente o desejo de receber para si mesmo. Isso é desejo de compartilhar. Isso é desejo de receber para si mesmo. E isso é maravilhoso porque o Criador nos deu esse Malchut Ele falou: "Você tem que usar essa força poderosa nesse mundo para atrair coisas para você quando você não está autorizado para fazer. O que você não pode fazer é deixar na realidade que a energia entre. Você tem que fazer tudo para trazer para o batente da sua porta mas não pode deixar entrar em casa. Está seguindo? É meio confuso. Por que o Criador nos daria algo que não podemos aproveitar plenamente? Vamos dizer que você tem um desejo de fazer algo que você sabe que é errado para você. Há um curto circuito e você tem um desejo por aquilo Você está experimentando tipos de prazeres intensos em fazer aquilo. Me dê exemplos. Sorvete. Vamos usar um exemplo com comida. Vamos dizer que há uma comida que você não pode comer. Por que você tem um desejo por ela? Certo? Esse é o truque. Você foi enganado. O Criador te deu um desejo por algo que Ele não quer que você tenha. Será que é porque Ele não quer que você tenha? Ele quer que você faça restrição. Ele também não quer que você faça restrição. Ele quer que você faça restrição, certo? Mas no final Ele quer que você e o sorvete se encontrem. Um homem casado que não está feliz no casamento. Então ele decide ter um caso. Isto de acordo com a Torah está errado. O que ele precisa fazer? O que é restrição significa? Restrição não significa não fique com essa mulher que você se apaixonou. Significa, tem um jeito para ser fazer. Tem um jeito de receber. Não receba simplesmente ... ah ah ... Conhece isso? Como um cachorro ofegante. Por exemplo, é seu aniversário. Você foi a casa do seu amigo e ele está dando uma festa para você. Você está sentado, esperando os convidados chegarem, está faminto. Você vai até a geladeira. E você abre a geladeira. Você vê esse bolo enorme com seu nome nele. Oh, esse é meu bolo. Você tira o bolo para fora e começa a comer o bolo com as mãos, desse jeito. O que tem de errado com isso? É seu bolo. Seu amigo fez ele para você. É seu aniversário. O dia mais especial do ano. O que tem de errado que vocês estão rindo? Todos estamos rindo porque sabemos que não é certo comer o bolo. Por que não é certo comer o bolo? Compartilhar? Por que tenho que compartilhar se é o meu dia? Meu bolo. Tem meu nome nele. E estou com fome. Ele não fez para mim? Quem se importa com o ritual? Qual é o ponto do bolo? É alimentar meu estômago faminto e me fazer feliz. O ponto do bolo não é me fazer feliz? Então, estou feliz. Como podemos ver isso não está exatamente correto. Este não é o jeito que você deveria tê-lo. O jeito como você faz algo é mais importante do que se você fez. Isso é importante, certo? Na Kabbalah, o que é um curto circuito é sempre que você recebe energia porque você quis. Sempre que você pega porque você quis. De fato, este é um conceito profundo que os estudantes aprendem com o tempo. Não se confunda com isso A única coisa que não é um curto circuito é se você recebe algo que o Criador deu a você. E como eu sei que o Criador está dando para mim? Quando eu sinto, estou bem com isso. Eu estou bem sem isso. E eu sinto que não é sobre mim, é sobre meu anfitrião. Eu estou comendo o bolo porque eu fui à geladeira e peguei o bolo. Sou eu, sozinho. De fato, se seu amigo entrar enquanto você está fazendo isso, o que você sentiria? Envergonhado. Você sentiria o pão da vergonha. Pão da vergonha é receber algo que o anfitrião não te deu. Isso é que é pão da vergonha, a propósito. Nós não merecemos. O que significa nós não merecemos? É algo que o anfitrião não te deu significando que o Criador não te deu isso Você tomou. Você tomou porque você é carente, faminto. Você estava frustrado. Você estava em dor e queria que a dor fosse embora. Essa não é a essência do comportamento reativo? Eu quero dizer algo agora mesmo. Eu tenho que mandar mensagem. Eu quero responder. Eu quero consertar isso. Isso é você tentando criar uma solução. Isso é você comendo o bolo. Isso não é o Criador vindo a você. Mas quando você faz restrição, de repente as coisas começam a acontecer a partir do anfitrião. Não a partir de você. Está seguindo? De repente, você começa a tomar decisões não mais de você, é como se o Criador que ir, aquilo, ... E isso é parte da nossa evolução como estudantes de Kabbalah. Quando você pergunta o que o Criador quer. A propósito, o dia inteiro. Eu quero isso. O que o Criador quer? Apenas para conversar. E é surpreendente quando você começa a ter essas conversas, você se torna mais como a Luz do Criador. Porque no minuto que você faz restrição ao seu Malchut eu não vou comer aquele bolo No minuto que você vai a cozinha, abre a geladeira Vê o bolo e está prestes a colocar a sua mão nele e você diz "Não, eu vou esperar o meu anfitrião me dar". Muito difícil. Muito difícil. Relacionamento? Não, não, não, não, não. Eu vou esperar para ver o que o anfitrião quer me dar. Certo? Isso funciona da outra maneira também. Pessoas que evitam relacionamentos. Pessoas que evitam relacionamentos estão fazendo isso com sua sala de estar. Eu quero minha sala de estar, meu Netflix, meu pijama. Eu não quero ver ninguém. Não, não. Eu deixarei o Criador me dizer quando é a hora certa. de me isolar na minha Netflix, pijama, sala de estar e sorvete. Enquanto isso eu vou sair. Você vê. Há muitas maneiras. Mas sempre que você vir sua mão fazendo assim com qualquer coisa A propósito, se você vir a sua mão fazendo assim é um problema. Isso é Malchut tentando tomar para si mesmo. E no minuto em que acontece. Bam! Malchut, as leis da restrição vem, empurram toda a Luz e você desmaia no caos. Porque nesse mundo, Malchut não é autorizado a receber. Não antes de todos terminarmos a nossa correção. Esse é uma nova aula. Somente precisa saber agora que Malchut não pode receber a Luz. Então o que acontece quando eu restrinjo o meu Malchut? Eu deixo o Malchut ir. Eu digo "Vai Malchut". Eu não vou comer o bolo agora. Eu vou esperar pelo anfitrião. É dito de Malchut ... É um conceito que eu tenho certeza que 99% de vocês nunca ouvi antes. É chamado Tsim Tsum Bet. Bet significa two. A segunda contração. Você aprendeu sobre Tsim Tsum Alef em Kabbalah 1. A Luz deu para o recipiente. O recipiente disse não. Não, eu não quero. Isso é chamado de primeira contração. O que aconteceu quando se deu a primeira contração? A Luz falou "okay, eu darei ao recipiente quando se tornar como Eu." Então a pergunta agora é como o recipiente se torna como a Luz. A Luz falou "Escuta, eu tenho uma idéia". Sempre que você disser não para receber eu o levarei e o conectarei com essa energia incrível chamada Binah e você vai adquirir uma nova qualidade chamada desejo de compartilhar. E você terá o desejo de receber para compartilhar. E como sabemos disso? Porque depois que faço restrição uma hora. Porque se você vai a geladeira e fala não ao bolo eu vou esperar pelo anfitrião. Literalmente 10 segundos depois você não estará com fome do bolo. Na verdade, a sua fome vai embora e você será paciente. E você apreciará aquele bolo do anfitrião e não somente você apreciará mas agora o que está acontecendo? Você tem um novo ... o que? Um recipiente novo. E este recipiente, vamos chamá-lo de recipiente proativo. Então o que aquele recipiente será? Recipiente reativo. E pessoal esse é o segredo do porquê as pessoas no mundo não são felizes. Todo mundo está tentando agarrar a Luz e empurrá-la em um recipiente reativo. E não importa quando eles acumulam, toda essa Luz continua a ser empurrada para fora por causa do pão da vergonha. Empurrada para fora! A Luz vem e é empurrada para fora. A Luz vem e é empurrada pra fora. E sempre como cachorros ofegantes. Perguntando por que eu não sou feliz mesmo eu tendo X,Y, Z. A razão de não sermos felizes não é porque não temos Luz suficiente, nem dinheiro suficiente, nem beleza suficiente, nem amor suficiente. É porque estamos operando a partir do recipiente errado. Tudo que você aprendeu em Kabbalah é aprender como toda parte da sua vida é uma entidade própria. Você. Dinheiro. Família. Casamento. Espiritualidade. Vida espiritual. Seu corpo. Seu lar. E há mais categorias. Em cada uma dessas categorias o seu trabalho é achar o Malchut e desapegar. É assim que você terá certeza. Como eu sei que eu desapeguei do meu Malchut? Você não tem medos naquela área. Certo? Você não só não tem medos, você está equilibrado. Eu tenho. Eu não tenho. Pessoas com tikun em dinheiro são pessoas com medo sobre dinheiro. E eles tem alguns medos: eu não tenho medo, xxxx E alguns tem medos legítimos. Se eu não tiver dinheiro, eu não serei capaz de cuidar da minha família. O que vai acontecer então? E isso e aquilo ... Mesmo que pareça como um medo legítimo medo ainda é consciência de Malchut. Então você veio para aprender Kabbalah e você aprendeu como remover consciência de Malchut em várias partes da sua vida. Pense nas áreas que não estão funcionando. E a verdade é que com dinheiro dinheiro está conectado com todas as partes da nossa vida. Todas as partes estão conectadas. Não é mesmo? A verdade é se você tem consciência de Malchut no seu casamento, no seu relacionamento, eu garanto a você todas as outras partes vão sofrer. Eu te dou um exemplo de consciência de Malchut nos relacionamentos. Eu falei com alguém recentemente. Eu falei com um casal. E ela estava me falando como ela não é importante no relacionamento. Eu falei "Me dá um exemplo". Ela falou: "Eu cheguei em casa um dia, ele estava no computador fazendo algo muito importante. Eu falei , oi estou em casa. Ele disse, olá já estarei com você. Esse foi o exemplo inteiro. A propósito, aquele homem gerou o pior curto circuito. O homem falou qual o problema? Porque qual a consciência de Malchut do homem em um relacionamento? De novo, isso é uma outra aula ... Tantas aulas, quando eu vou falar de dinheiro? Isso vai nos dois sentidos também. Quando um homem coloca o que ele quer antes do que a outra pessoa quer. É isso. Isso é consciência de Malchut. Não é? Consciência de Malchut é sempre que você quer algo para você e você não pensa primeiro que o outro quer. É isso. Toda vez que você quer algo e você simplesmente faz sem deixar a outra pessoa ir primeiro, você terá cometido consciência de Malchut. Você está prestes a usar o banheiro em um hotel. Você vai a um hotel com um banheiro. O hotel tem um banheiro mas você tem duas pessoas. Você precisa ir ao banheiro. Então você vai! E a outra pessoa? Talvez ele precise usar o banheiro. Se você não disse primeiro que precisava usar o banheiro Você quer usar o banheiro primeiro? Isso é consciência de Malchut. Em última instância, é como os relacionamentos começam a morrer. Consciência de Malchut, decisões são tomadas. Isso é tudo o que é. Sempre existe o medo de e se a pessoa for ao banheiro antes de mim eu ainda preciso ir. Eu vou ficar em dor. Isso se chama restrição. A propósito, no minuto que você desapega tudo funciona melhor. Sua alma muda. Você tem uma nova alma quando você desapega no chuveiro. Quando você desapega no chuveiro, você ganha uma nova alma. Quando está prestes a comer algo, ofereça antes. Quando está prestes a fazer algo da sua agenda, não você primeiro. Toda vez que você fizer, você ganha uma alma nova. Alma nova. Natureza nova. Vocês estão todos seguindo? Minha pergunta para vocês é Aonde você identificou consciência de Malchut do jeito que falamos? Vamos parar por aqui. Você pode compartilhar com a pessoa sentada do seu lado? Onde você identificou prevalência de consciência de Malchut? Todo mundo entendeu consciência de Malchut? É onde eu tenho medos. A palavra Malchut significa literalmente reino. Traduz-se como reino mas representa o reino, o mundo físico. O recipiente. O que é um reino? É um recipiente para o Rei. O que é o Rei? A Luz do Criador. O Rei está procurando por um reino. A Luz está procurando por um recipiente. O problema é que o recipiente não pode ser um recipiente reativo. Ele precisa ser um recipiente proativo. Temos a responsabilidade, nascemos com esse recipiente recipiente reativo. Nossa responsabilidade é ser um recipiente proativo. Se você trouxer todo prazer físico, bilhões ou trilhões de dólares mas você coloca no seu recipiente reativo, você nunca vai sentir a energia do dinheiro. Você será assombrado. Será uma maldição. É assim que o dinheiro se torna uma maldição. É assim que tudo se torna uma maldição quando entre o recipiente errado. Nosso trabalho é fugir disso. O tempo todo. Onde está a minha consciência de Malchut? Onde está a minha consciência de Malchut? Estou com medo. Estou com medo. Então não terei esta discussão se estou com medo. Eu não responderei a esse email se eu estou vindo de um lugar de medo. Eu não farei isso se eu estou vindo de um lugar de medo. Eu não farei nada se eu estou vindo ... Eu vou fugir do medo. Porque medo é consciência de Malchut. Como isso se relaciona com dinheiro? Quando o Criador, quando a Torah fala que existe um preceito da Torah, que Ele nos dará um certo montante para ser capaz de separar de nós mesmos. Ele disse um décimo. É a idéia de que eu estou dando consciência de Malchut que existe no meu reino financeiro. Quando eu faço isso, eu não estou removendo somente a consciência de Malchut do meu reino financeiro. Então eu recebo um novo recipiente, um recipiente proativo mas eu na realidade diminuo o poder da consciência de Malchut de toda área da minha vida. Os sábios dizem que o propósito do Maaser Tayvin. Maaser que é Tayvin que é dar um décimo (10%) de dinheiro, tempo e energia. É porque dá força em todas as áreas da minha vida para deixar de ser reativo. É uma ferramenta. E a propósito, as pessoas costumam vir a aula sobre dinheiro XXXXXXXXXXXXxx Mas você sabe o que é mais interessante em aprender como lidar com dinheiro? É que você ganhará força em todas as áreas da sua vida. Porque é uma jornada espiritual. para o Criador. É um estilo de vida. Eu só quero chegar perto do Criador. Se dinheiro será uma das ferramentas. Okay, eu quero saber tudo a respeito. Se se casar e ter uma parceiro para a vida é parte se de ficar mais perto do Criador, eu farei! Não porque eu preciso. Mas porque é parte se de ficar mais perto do Criador que é o objetivo final. O que o meu anfitirão quer. Precisamos olhar para tudo como isso é o que vai me levar mais perto do Criador. E é por isso que eu quero fazer. Não porque eu quero. Eu quero parecer bem. Isso é um problema. Eu quero me sentir bem. Eu quero ir à ginástica porque eu quero me sentir bem comigo mesmo. Isso é um problema. Por que você quer se sentir bem consigo mesmo? De alguma forma se encaixa no sistema de ser como o Criador Tudo vai funcionar. O universo vai nos apoiar. Se é sobre mim. Se eu vou à ginástica porque eu quero me sentir mais seguro sobre mim. Isso é consciência de Malchut. Por que ir à ginástica, certo? Para ter energia. Para ter força. Para ser um exemplo. Mas para usar toda essa energia em prol do meu trabalho espiritual. A verdade é. Quem é o professor mais ativo fisicamente de todos aqui? Também o mais velho de todos os professores que temos? É o Ryan. Benjamin é como o Hulk agora. Parte disso é que se não nos exercitarmos, eu tenho certeza, que estaremos deitados às 6 da tarde. Ter que trabalhar. Nos dá energia por essa razão. Você já viu os professores andando xxx Você já viu os professores - ei olhe para isso? Você não vê isso .... . Isso seria estranho. Os professores ririam. Essa não é a consciência. Por favor, compartilhe onde na sua vida há consciência de Malchut. Eu vou dar 30 segundos para isso. Eu quero responder às suas perguntas. Eu vou falar sobre a idéia de Tayvin, a idéia de caridade. A idéia de um sistema. É bom que cada pessoa ache seu próprio. Vou falar sobre gastar e desperdiçar. E sobre consciência sobre dinheiro. Alguém tem perguntas? Sim, por favor. Você falou que tudo vem do medo. Como podemos nos livrar do medo? Como podemos nos livrar do medo? Esse é o tópico de todas as aulas que damos. Mas a idéia é sempre que você não alimenta um medo, você está um passo mais perto de eliminar o medo. Porque medo é um parasita. Ele precisa de energia todos os dias. É por isso que quase todo dia um dos problemas vai aparecer. Certo? Porque esse parasita precisa de comida. No minuto que você parar de alimentar o parasita, ele morre e é quando você ganha um novo recipiente. Restrição é restringir alimentar o parasita. Certo? Estou restringindo responder aquela mensagem de texto. porque meu parasita quer que eu responda. No minuto que faço restrição, o parasita morre. Eu recebo meu novo recipiente. E meu novo recipiente pode aguentar mais riqueza sabedoria, poder, tudo. Uma das coisas que aprendemos sobre o estilo de vida de um kabalista. Tudo é sobre criar um ambiente anti-Malchut. Muitos de nós homens, vamos nos imergir no Mikve toda manhã. Porque o Mikve. Você sabe o que é o Mikve? O Rav fala. Temos uma piscina de água lá embaixo. Há tantos segregos por trás do Mikve. Muitas deles conectados com o tayvin, e o conceito de Malchut. xx em Malchut. Mas o Rav falava que o Mikve, você deve meditar no que se chama da Luz de Binah. Que você entra em Binah quando você vai para o Mikve. É engraçado porque eu ouvi isso há 10 anos atrás e eu aprendi sobre esse conceito, fez sentido. Eu colocando meu corpo em uma piscina de água que é chamada de Binah. Por que? O que isto está fazendo ao meu corpo? Qual é a consciência do meu corpo? Malchut. E qual é a consciência da água? Binah. O que nos falamos que Binah era? Por isso fazemos o Mikve. Quando eu me coloco em Binah completamente, estou completamente rodeado pelo desejo de compartilhar. Agora, essas duas forças estão lutando entre si. É por isso que precisamos o tempo todo. É como O Rav falou quem dera eu pudesse viver sob o Mikve. O Rav costumava falar isso. O que isso significa? Eu não posso respirar. Tinha uma piada sobre o que o Rav queria dizer. Ele queria criar o Mikve em todo lugar que ele ia. Como fazemos isso? Tem tantas maneiras para fazermos isso. Tendo um amigo espiritual. Tendo o ambiente certo. Quando você vai para a sua casa. O fato de você ter o Mezuzah na sua porta. A Mezuzah converte a casa para ser tornar como Binah. É como um Mikve espiritual. Você não pode brigar na sua casa. Você não pode guardar lixo na sua casa. Você não pode .. Tem tantas coisas, e todas essas regras na sua casa. Não pode ter artefatos de voodoo. Tantos conceitos estranhos. Que você aprende. Porque sua casa tem que ser Malchut que foi a Binah. A casa de muitas pessoas é Malchut. Muitos gritos. Muito egoísmo. Muitos homens da caverna. O que é um homem da caverna? É Malchut que não foi a Binah. Essa é minha caverna. Não é necessário compartilhar. E quando estou aqui, não compartilho com ninguém. Não é engraçado? Homem da caverna é Malchut que não foi a Binah. A pessoa que você se casou. Você se casou com Malchut ou Malchut que pelo menos uma vez já foi Binah? Você está se casando com alguém que fala eu quero receber para mim ou alguém que fala eu quero criar uma cultura onde como nós dois podemos nos tornar algo ótimo. É também outra consciência. Não é sobre julgar nossos parceiros. É sobre entender sobre nós. Sobre roupa. Algo que não sabemos realmente. Não tenho certeza se eu devo dizer. Mesmo kabalisticamente, há roupas que eu não posso usar. Tem algo sobre esses ternos que me incomoda quando quando você compra um terno. Tem tipos de materiais se ambos existem no terno é considerado XXX. Eu não quero entrar nisso porque a aula não é sobre isso. eu não estou dizendo que nao devemos seguir mas a idéia é você toma conta daquele casaco e limpa daquele material é a energia de Binah que eu posso vestir. Por que isso é importante? Se você está tentando ter um estilo de vida para se tornar como Deus mesmo sua jaqueta afeta a sua consciência. Tudo afeta a sua consciência. Você se torna muito restrito sobre cada pequena coisa. A razão pela qual a pessoa quer criar um sistema de Tayvin e compartilhar, não é porque eu não quero me tornar bem sucedido Esse é um pensamento pequeno. Faz parte da coisa que infunde a energia de Binah em tudo o que eu faço. Exatamente, você vai conseguir qualquer que seja sua intenção. Se você quiser respeito do seu Tayvin, eu garanto de que alguma forma, o respeito chegará até você. O que você quer de mim? Eu falou para pessoas quando eles fazem Tayvin a meditação dever ser "Pare, não pense pequeno aqui". Apenas fale ao Criador que você quer que o Criador remova completamente todo o seu egoismo. Então você terá o melhor e você receberá tudo. Por que não fazer um acordo Por que você não diz "eu quero isso, eu quero aquilo" Por que você está faria qualquer acordo? Apenas desapegue. Viva um estilo de vida de consciência de Binah e veja o resto vir até você no momento certo, da maneira certa. Porque parte de Tayvin dízimo, a propósito é desapegar dos resultados. Eu preciso do meu resultado. Onde está o meu resultado? Este é o seu 10%. Desapegue! Não, eu quero. Eu quero me segurar a isso. Do mesmo jeito que é difícil se despegar dos resultados é desapegar de 10% do seu dinheiro. Tão difícil quanto! Porque quando ficamos frustrados que algo não está acontecendo? No início ou no final? No final. No início as chances são que eu só quero a Luz. Seis meses depois, cadê a Luz? Por que não estou recebendo a Luz? Você me prometeu a Luz. Você recebe seu Malchut. Isso é Malchut. A propósito, você fica frustrado no final. Certo? Quando está para acontecer. Então porque quando ao invés de ficarmos frustrados Uau, eu estou experimentando meu Malchut. Porque quem está dizendo que eu estou frustrado? Seu desejo de receber para si mesmo. Você está frustrado porque você não está recebendo o que quer. Antes é todo esse compartilhar Porque você está descendo na Sefirot. Você está descendo as 4 fases. Agora que você chegou a sua quarta fase. Seu Malchut. Seu desejo de receber para si mesmo. Agora você tem que enviar de volta a Binah. E você diz "Não, onde está? Dá para mim." Esse é o maior teste. Na verdade, o único teste. Não é nem o maior, é o único teste. É quando você está pronto para desistir. Não é? Porque esse é o seu Malchut. Você se lembra quando diz Eu falo para as pessoas que o Rav costumava dizer Sempre que alguém está vendendo, você precisa comprar. Quando o agora está um inferno, faça o dobro. Eu farei o dobro. Se o voluntariado não está funcionando, faça o dobro. Se caridade não funcionou para mim. O que significa não funcionou? Eu não estava sentindo isso. Faça o dobro. Não diminua que é o que alimentará Malchut. Faça em dobro. Dobre a aposta. Você sempre vai querer dobrar a aposta quando está prestes a desistir. Essa é a consciência do Tayvin. É um estilo de vida. E se é um estilo de vida, eu não posso ser somente quando tenho vontade. Porque e seu eu me sentir sortudo. É Malchut de novo. Você vê? Se você não tem uma disciplina se diz que quando a pessoa vai para os Mundos Superiores eles vão fazer três perguntas Uma das perguntas é "Você definiu um tempo certo para estudar a sabedoria, o bom aprendizado, em um intervalo regular? Não interessa qual o intervalo, mas você definiu um intervalo que você costumava estudar? Você pode imaginar que essa é uma das perguntas que eles fazem? Apenas para destacar a importância de um disciplinado estilo de vida de se conectar com a Luz porque se eu me conecto somente quando eu sinto vontade se eu pego um livro de Kabbalah somente quando estou com estado de espírito de ser espiritual. Malchut está no controle. e parece que Satan que está no seu Malchut vai dizer "Não pegue um livro por 4 meses porque eu não estou com vontade." Não existe "com vontade". Vocês entendem o conceito de "com vontade"? Vontade nos leva a lugar algum. Espero um momento. O que o Criador está com vontade? O que o anfitrião está com vontade? Eu tenho vontade de bolo. O que o meu anfitrião tem vontade? O anfitrião não quer que eu coma o bolo agora. Mas eu quero muito. Existe uma maneira de ter ambos? Existe um jeito de eu ter o bolo e o anfitrião está feliz? É isso que você precisa procurar. Alguém levantou a mão? Não é isso que eu estou falando. Eu estou falando do processo espiritual que passamos em momentos difíceis e estamos aplicando certas lições que não estão funcionando para nós. Nossa natureza é Se um relacionamento não está funcionando o jeito que você descobre se é para ser não é dando um passo para trás. Isso é o que as pessoas normalmente fazem. É dar 100% . Então você verá se vai funcionar ou não. Você quer saber? Você está em um relacionamento em que você não tem certeza? Dê 100% e então você saberá. O que muitas pessoas fazem é eu não tem certeza, eu não vou compartilhar. Não estou certo de que ela é a pessoa certa. Você não tem certeza porque você não quer abrir seu coração? Vamos falar sobre estrutura. Praticidade. O que significa compartilhar? Quais são as regras por trás? Vocês querem saber? XXXX. Uma pessoa recebe renda de qualquer tipo. Um presente. Uma herança. Você acha dinheiro no chão. Sua mãe te dá algo. Você recebe algo pelo seu aniversário. Contra-cheque, claro. Qualquer coisa. Isso é renda. Os kabalistas dizem, os sábios escrevem Você está sempre reduz suas despesas de negócios. Não é considerado parte da sua renda. Você reduz seus impostos. Não é considerado parte da renda. Você multiplica isso por 10% e você tem o dízimo. Certo? Entretanto, você precisa saber algo. E se as suas despesas, digamos são $5.000 por mês E depois do dízimo, você ficará com $4.500. Qual a regra aqui? Mas eu tenho $5.000 de despesas. As pessoas se encontram com este problema o tempo todo. Existem 2 opiniões. Quais são as 2 opiniões? Uma diz que digamos que seu dízimo era de $600. E depois que você dá o dízimo, você fica com $4.500 A verdade é que você não precisa dar o dízimo de $600. Você é autorizado para tirar $500 dos $600 para pagar suas despesas. Quanto sobrará para o dízimo? $100. Essa é uma opinião. Alguns sábios dizem que existe outra opinião. Faça de qualquer maneira. Reduza as suas despesas. Há mais. Aumente sua renda. A idéia é que você tem que achar para você qual a sua disciplina. Para que você está se esforçando? Nao tem jeito de perder. Isso com certeza. Qualquer doação tem mérito. Quanto mérito, quanto Luz você receberá desse mérito Como essa Luz transforma você. Se essa Luz te traz 10 minutos de respeito ou 10 anos de uma nova alma. É com você! Você tem que achar um sistema que funciona para você. Aqui está outra coisa. Quando uma pessoa dá a sua primeira caridade de dízimo, você precisa ter cuidado. Porque é uma ação positiva, é considerado um voto. Dar dízimo é considerado um voto significando que a maneira que você dá, por padrão, você está fazendo um voto de dar regularmente. Isso siginifica que se você decide em um certo ponto não dar é considerado um grande curto circuito. Se você já fez a aula sobre voto. Deveríamos ter um seminário sobre voto. Um dos maiores curto circuitos é "Sim, eu te vejo às 3 pm". E você não aparece às 3 pm. Isso é um curto circuito tão ruim quanto gritar com a sua mãe ou roubar de alguém. Quão ruim é isso? Nós fazemos isso o dia todo. Se você disser "Eu tentarei ver você às 3 pm. Eu espero vê-lo às 3 pm. Eu posso te ver às 3 pm. Ou um bando de outros termos kabalísticos que usamos. Não faz dele um voto. Tem um ponto quando você dá, o que está passando na sua mente. Você está dando como um voto ou você está dando e precisa dizer eu estou dando mas eu poderei quebrar o voto. Por que estou lhe dizendo isso? Para mostrar a importância do que? Disciplina e sua consciência. O que quer que você coloque nesse dinheiro é o que ele se tornará. É o que ele se tornará. Você determina o destino dessa restrição. O que é dízimo? Dízimo deve ser dado ao pobre. Essa é a regra. O pobre. O que isso significa? Existem diferentes comentadores Pobre tem 3 níveis. Nefeshe, Roach e Neshama. As pessoas são pobres em 3 níveis que são chamados O que causa caos no mundo? É quando as pessas são pobres. Isso que causa o caos. Quando você é pobre você vai causar caos. Quando pobre XX você não tem o que comer De fato, as pessoas que estão causando caos no mundo não são as pessoas que são pobres fisicamente. Existe pobre Nefeshe que é comida, abrigo. Necessidades básicas. O que, a propósito, temos que dar. Existe pobre Roach que é o mental. É como incapacidade de saber cuidar de si mesmo. Incapacidade de saber viver em sociedade. Quando você ensina a alguém como ter um trabalho. Esse é o segundo nível. E o terceiro é a consciência da alma. Por exemplo, você é pobre quando você não sabe o que é restrição. Um homem rico que não sabe o que é restrição, de acordo com o Zohar, é pobre. Ele é pobre. Vocês entendem? Nosso trabalho no mundo é ter certeza que não há pessoas pobres. Esse é o trabalho de todos no mundo. Ter certeza que que não existam pessoas pobres. Graças a Deus há organizações que atacam pobreza em todos os níveis. Vocês entendem? A idéia é que temos que nos sentir confortáveis em como damos, onde damos, especialmente no Kabbalah Centre. Nem todos dão para a propagação da Kabbalah. O que está okay. Precisamos sentir onde acreditamos que fazemos a diferença e estamos mudando o mundo. Precisamos saber que todos os 3 níveis de doação Nefeshe, Roach e Neshama são importantes. As pessoas no mundo precisam fazer isso. Você precisa descobrir qual a sua maneira de trazer Luz para o mundo e como essa Luz vai continuar para você. Porque a maneira como o seu dinheiro vai e viaja, essa Luz está voltando para você. Faz sentido? Você ajudou um homem desabrigado. Tudo o que o desabrigado fizer a partir das sua ação, é seu. Você ajuda alguém a achar um emprego. Você ajuda alguém a ficar mais perto da Luz do Criador. Tudo o que cada uma dessas pessoas faz traz o mérito de volta para você. Você já fez Kabbalah 1? 1, 2, 3, duas vezes. Perfeito! Se você der e ele compra drogas traz curto circuito para você. Vou contar um estória. Eu escondi isso da minha mulher por 6 meses. Uma das primeiras coisas que escondi da mulher, estou contando para vocês. Eu contei para ela ontem. Dois dias atrás. Um dia ela chega em casa e diz eu tenho essa estória incrível. Qual é a estória incrível? Você não vai acreditar. Eu estava andando na rua e eu vi esse homem. Ele é jovem, tem 20 anos segurando um cartaz que dizia que seu pai acabou de morrer e eu preciso de dinheiro para uma passagem de ônibus. Talvez alguns de vocês tenham visto esse cara. Ela começou a chorar porque o pai dela faleceu e ela estava sensível. O que aconteceu? Eu dei a ele 5 dólares. Ele precisa de 60 dólares. Eu dei tudo o que eu tinha. Eu dei para ele, ele pegou e chorou. Ambos choramos e nos abraçamos. Ele falou obrigado e começou a andar até o estação do ônibus. O tempo todo eu falando "Nossa que incrível". Eu senti como se tivesse visto o profeta Elijah. No dia seguinte, estou andando do trabalho. O cara está lá com o cartaz. É um cartaz diferente. A mãe dele faleceu. Eu fiquei tão bravo. Eu andei até ele e xxx reativo. Eu só sorri e continuei indo. Eu ia para casa para contar a minha esposa. Você vê. Não podemos confiar em ninguém. Ela estava feliz. O que vou falar para ela. Então eu nunca contei. Porque até aquela dia ela acreditava que era o profeta Elijah. E a verdade é. Às vezes, você sente no seu coração Se diz que Elijah entra como alma em uma pessoa para receber. Elijah não é uma pessoa. É um espírito que entra nas pessoas. Ás vezes, talvez no dia que eu vim não era o profeta Elijah. Isso não significa que ela não recebeu o mérito pela doação. 6 meses depois, nós rimos sobre isso. Porque ela começou outro propósito que ela estava falando a respeito. É bom estar equilibrado em qualquer consciência porque você nunca sabe. Você pode testar. Há coisas que você pode fazer. Mas importante como você dá. Essa é uma opinião. Então quando você dá, mas também tem outra opinião. Você sente no seu coração que é algo que você tem que fazer você ganha Luz por isso. Faz sentido? Não existe certo ou errado. Essa é a verdade. Às vezes eu sentia a necessidade de cuidar de alguém Eu nem sei o porquê. Eu levei ela no mercado, e comprei coisas para ela. Outra vezes, algo me diz para ficar longe. Você nunca sabe. Não existe certo ou errado. Você tem um seguir o que você sente. De acordo com os sábios, não. O que é interessante porque eles falam que tem um livro aqui que fala sobre todas as leis. E toda versão, comentários, tudo. Tudo compilado nesse livro. E uma das coisas que ele fala a respeito todas as outras causas, é importante dar mas não pode ser considerado como parte do dízimo. Energeticamente. Porque nosso Malchut vai para Binah quando o recipiente do pobre a consciência da pessoa mudou. Você pode dizer que tudo indiretamente de certo modo alguém está em necessidade em algum lugar. Mas eu acho que é caso a caso. É como xxx, você tem que sentir por si próprio. Se a sua obrigação do dízimo está sendo um veículo que te preenche O que eu farei. Eu vou colocar dinheiro extra de lado se eu realmente acredito em algo como isso. E eu darei dessa maneira. Mas eu não deixarei tocar a santidade do dízimo. Kabbalah respeita o reino animal de forma elevada. Existem tantas regras sobre xx animais. Mas infelizmente todas essas regras sobre o jeito que cuidamos e respeitamos e preservamos os animais não se misturam com o dízimo. São duas coisas separadas. Posso dar todo o meu dízimo para os animais? Absolutamente e de fato é uma ação positiva se fazer. Eu acredito que através do nosso trabalho vamos combater o cancer de uma maneira diferente. Eu acredito que a cura do cancer vem através de uma consciência que não foi alcançada mas que eventualmente quando a massa crítica de Luz for revelada um cientista achará a cura. Mas a cura não está condicionada se é um milhão de dólares ou uma centena de milhões de dólares. Será quando a massa crítica de consciência. Esse é um entendimento kabalístico. Se uma pessoa é subconsciente disso ou não. Curas vem de massa crítica da Luz do Criador ser revelada. Eu tenho mais duas coisas para falar para vocês. Essa são boas perguntas. Eu vou responder mais uma. Há duas opiniões. Tecnicamente, se você tem uma dívida é importante pagar a sua dívida. E você não é obrigado a dar dízimo do dinheiro que você usa para pagar a dívida. Mas é dito que se a pessoa ainda decide fazer ela tem mérito extra a seu favor. Importa se a dúvida é com uma corporação ou com um pessoa. Se eu tenho uma hipoteca da minha casa, eu não vou dizimar Todo mundo tem hipoteca na casa, certo? Eu vou morrer porque eu tenho uma hipoteca?! Você tem que analisar. Fale com o seu professor a respeito. É diferente. Cada pessoa é diferente. Algumas pessoas, como eu disse, pagam a dívida. Para sair da sua dívida, faça além das suas possibilidades para trazer a Luz do Criador. Apenas dois pontos sobre gastar dinheiro. Queremos gastar dinheiro sob a cultura da consciência de Binah. Toda vez que gastamos em algo que nos separa da Luz do Criador precisamos saber que também está abusando do conjunto de riquezas que temos que afeta todos os estilos de vida Ele afeta e ataca todos os estilos de vida. Devemos ser bem cuidados em como gastamos o nosso dinheiro onde gastamos, com o que estamos gastando Cada compra deve exigir um pensamento sobre restrição. Especialmente com luxo. Necessidades exigem menos restrição. Luxo exige pensamento. Você quer comprar um vestido que você não precisa exige pensamento. Exige uma conversa com o Criador. Exige sair da loja e voltar no dia seguinte para saber se é realmente para você. Esse tipo de coisa. A coisa mais importante também é disperdício. Você sabe qual é a marca registrada de desperdício? Se você olha para o seu cartão de crédito e você vê que tem duas assinaturas do Netflix. Isso é uma indicação que você tem disperdício. Se você olha para o seu cartão de crédito se você vê pelo menos uma cobrança ali que não faz sentido para você. Você não sabe porque está ali. Se o banco está cobrando esse valor estranho de 10 dólares por mês de taxa e você não sabe o porquê e você não está consciente dessas coisas O que acontece energeticamente desperdício é Malchut. A Klipat. Está buscando Luz para o lugar errado. E está fortalecendodo lado escuro de todos nós. O Centro foi fundado sob a idéia do não desperdício. Eu me lembro uma vez, 7 pessoas em uma van. 11 horas, dirigindo a noite para casa pela ponte indo para o Queens. Recebemos uma ligação. Alguém viu uma luz em um dos andares. 7 pessoas na van dirigindo de volta somente para desligar a luz. Você pode dizer que a gasolina custa mais do que a economia da luz. Mas o princípio do modo que fizemos Porque eu acho que era a luz, o ar condicionado, muitas coisas. A idéia é que a energia do Centro é sempre aquela baseada em não desperdice. Tanto quanto possível. Consciência da Karen, sempre. Eu vou contar que as tantas coisas que eu quero dizer mas estou recebendo olhares para terminar a aula. Eu tenho dizer uma das melhores histórias que eu já ouvi. Uma vez a Karen foi a um Centro, para visitar o Centro. E um dos professores pegou a Karen no aeroporto. O taxi deixou a Karen no lugar onde ela ficaria. E esse voluntario comprou 30 dólares de mantimentos para a Karen colocar na geladeira. Leite, algumas frutas. Não importa. Quando a Karen vai embora 3 dias depois, Karen não tomou o leite. No caminho para o aeroporto, Karen fala para o professor A propósito, eu não bebi o leite. Você pode se certificar que alguém o use e não seja desperdiçado. O professor falou "claro". O Taxi deixou ela no aeroporto. Esse é o fim. 6 meses depois, Karen volta do Centro. Ela fala "Oi, XX". Entra no carro, a porta do carro fecha. A propósito, você cuidou daquele leite? A pessoa pensa, que leite? Se lembra que eu falei que tinha leite na geladeira Eu falei para você se certificar de que alguém ganhasse para que não fosse disperdiçado. Você fez algo a respeito? Não, eu acho que jogamos fora. Por todo o passeio de carro, Karen ensinou ao professor uma lição de consciência. Se você quer salvar a sua cidade, você quer trazer pessoas incríveis para estudar Kabbalah você quer que as pessoas se transformam, vejam bençãos e milagres. Eu posso dizer como esse leite desperdiçado impediu que isso acontecesse. É uma lição tão poderosa. Eu não estou dizendo que precisamos ser "ah, ah" Isso é consciência sobre desperdiçar mesmo na sua casa. Vá para a sua casa e veja. Cadê minha fatura de cartão de crédito? Inacreditável. As pessoas não sabem o que está acontecendo com a fatura do cartão de crédito. As pessoas não sabem conta, juros, cartão de crédito, xxx As pessoas tem medo de olhar. Algumas pessoas falam que tem medo, eles colocam e tiram dinheiro. Não sabem o que está acontecendo. Isso é consciência de Malchut. Grave Malchut. Baseado no medo. E é algo que precisa ser corrigido. Em todos os níveis. E quanto mais dinheiro você tem, mais difícil. Precisa ser endereçado. Em um nível alto. Você tem alguma pergunta urgente? Tudo bem, pessoal. Espero que tenha sido útil para você. Muito obrigado.

Video Details

Duration: 0 milliseconds
Country:
Language: English
License: Dotsub - Standard License
Genre: None
Views: 4
Posted by: yosef.farnoosh on Feb 20, 2017

Caption and Translate

    Sign In/Register for Dotsub above to caption this video.